Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 21 de Junho de 2024

Política

Antonio João afina discurso e já teria se entendido com Puccinelli para apoiar Giroto

Oficialmente, no entanto, Antonio João não confirma o recuo. Segundo ele, o rumo do partido ainda não está definido

Midiamax

30 de Junho de 2012 - 10:16

Após conversa com o governador André Puccinelli (PMDB) na noite de ontem (29), o presidente regional do PSD, senador Antonio João Hugo Rodrigues, estaria seduzido a sair da oposição para apoiar o deputado federal Edson Giroto (PMDB) na disputa pela Prefeitura de Campo Grande.

O encontro ocorreu no mesmo dia em que o Supremo Tribunal Federal (STF) confirmou dois minutos de propaganda ao PSD, valorizando o passe do partido na corrida eleitoral. Há rumores de que ele teria sido convencido diante dos argumentos do governador.

Oficialmente, no entanto, Antonio João não confirma o recuo. Segundo ele, o rumo do partido ainda não está definido. “Tenho até as 23h59min de hoje para decidir”, vem dizendo o dirigente partidário.

Antonio João também conversou ontem com os deputados federais Reinaldo Azambuja (PSDB) e Vander Loubet (PT). O plano dos dois era convencê-lo a apoiar o deputado estadual Alcides Bernal (PP). Dessa forma, os parlamentares esperavam manter Bernal na eleição, com o tempo de propaganda do PSD.

Se confirmado o recuo, Antonio João irá contra discurso repetido durante todo o período pré-eleitoral de que não seguiria do lado dos governistas na eleição. Ele, inclusive, fez duras críticas, principalmente via rede social, ao uso da máquina para favorecer o pré-candidato governista.