Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 30 de Outubro de 2020

Política

Governador reassume o cargo após 22 dias de férias no Rio Janeiro

André inicialmente ficou em Búzios (RJ) e depois passou pela capital carioca.

Flávio Paes/Região News

27 de Janeiro de 2014 - 00:01

O governador André Puccinelli (PMDB) volta ao trabalho depois de 22 dias em férias no Rio de Janeiro. André que até abril define se disputa o Senado e deixa ou cargo ou cumpre seu mandato até 31 de dezembro, tem como desafios iniciais promover uma reforma no seu secretariado porque vários candidatos vão disputar as eleições de novembro, além de se dedicar aos projetos e obras do Programa “MS Forte II”, principal prioridade do ano. O projeto prevê o investimento de R$ 3,2 bilhões.

André inicialmente ficou em Búzios (RJ) e depois passou pela capital carioca.  No último dia 20 esteve em Campo Grande, se reuniu com os secretários de Obras, Edson Giroto e de Fazenda, Jader Julianelli, retornando em seguida à capital carioca. O governador deve fazer mudanças em sua equipe de trabalho devido à saída de alguns secretários, que vão se dedicar a campanha eleitoral em 2014.

No grupo que vai deixar o Governo estão Nelson Trad Filho (secretário de Desenvolvimento Regional), Tereza Cristina (Desenvolvimento e Indústria), Herculano Borges (Juventude), Carlos Marun (Habitação), que reassumirá seu mandato de deputado no próximo dia 31, além de Edson Giroto (Obras) que ficará até o mês de abril.

Puccinelli ainda espera finalizar todas as obras do Programa MS Forte II, durante seu mandato. Entre as obras está à construção do Campus de Campo Grande da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) na Capital, reforma e construção de hospitais no interior, pavimentação e recapeamento de rodovias no Estado, além de outros projetos voltados para as demais áreas.