Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Domingo, 23 de Junho de 2024

Política

Lista do TCE tem 158 políticos com contas reprovadas em MS

Na relação, há prefeitos, ex-prefeitos e ex-vereador

Campo Grande News

05 de Julho de 2012 - 09:00

A Justiça Eleitoral recebeu a lista do TCE/MS (Tribunal de Contas do Estado) com 158 gestores que tiveram suas contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas rejeitadas entre julho de 2004 e julho de 2012.

Conforme o presidente do TCE, conselheiro Cícero Antônio de Souza, compete à Justiça Eleitoral decidir se o gestor fica inelegível, ou seja, proibido de participar das eleições deste ano.

Na lista, aparecem Acir Kauas (ex-prefeito de Selvíria), Abel Nunes Proença (ex-prefeito de Porto Murtinho), Carlos Roberto Saravy de Souza (ex-prefeito de Guia Lopes da Laguna), Cláudio Nascimento da Paixão (ex-prefeito de Terenos), Daltro Fiuza (prefeito de Sidrolândia), Dilson Deguti Vieira (ex-prefeito de Fátima do Sul), Diogo Robalinho de Queiroz (deputado estadual e ex-prefeito de Paranaíba), Francisco Cezário de Oliveira (presidente da Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul).

Além de Laurentino Pavão de Arruda (ex-vereador de Naviraí), Neder Afonso da Costa Vedovato (prefeito de Miranda), Nelson Cintra Ribeiro (prefeito de Porto Murtinho), Neri Muncio Compagnoni (ex-prefeito de Juti), Ramão Francisco Anis Martins (ex-prefeito de Bodoquena), Sergio Roberto Mendes (prefeito de Sete Quedas). A lista completa está disponível no http://www.tce.ms.gov.br/portal/ContasIrregulares.

Segundo a legislação, são inelegíveis os que tiverem as contas rejeitadas por irregularidade insanável e que configure ato doloso de improbidade administrativa, por decisão irrecorrível do órgão competente.