Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Domingo, 24 de Outubro de 2021

Política

Maria Artuzi diz que família passa por dificuldades financeiras

Artuzi e a família estão em um sítio que fica entre Dourados e Caarapó

Campo Grande News

15 de Dezembro de 2010 - 17:15

A ex-primeira dama de Dourados, Maria Aparecida Freitas Artuzi, contou há pouco, ao Campo Grande News, que a família está passando por dificuldades financeiras depois que seu marido, o ex-prefeito Ari Artuzi (expulso do PDT) foi solto do presídio federal.

“Não podemos vender nada, confiscaram tudo, até o gado, os porcos. Quando ele estava preso ainda estava recebendo o salário, mas agora que renunciou não sei como vamos fazer”, desabafou.

Artuzi e a família estão em um sítio que fica entre Dourados e Caarapó. A informação da esposa é de que Artuzi não podia falar porque estava “trabalhando no meio do mato”.

“A situação não é fácil não, mas estamos bem, apesar da falta de dinheiro. Estamos aqui no sítio trabalhando bastante”, detalhou.

Questionada sobre a difícil fase em que permaneceu na prisão, longe das duas filhas, Maria Artuzi se emocionou. “Minha casa ficou abandonada, minhas filhas ficaram com minhas irmãs, a situação é bem difícil, mas agora elas estão bem aqui com a gente”, contou.

Em poucas palavras, Maria Artuzi negou participação dela e do marido em esquema de fraudes em licitações e pagamento de propina a vereadores. Ela e o ex-prefeito foram filmados pelo jornalista Eleandro Passaia, sob orientação da Polícia Federal, recebendo R$ 10 mil cada um.

“Não sei onde ele arrumou dinheiro pra nós, não é verdade aquilo”, disse. Maria e Ari Artuzi ficaram três meses atrás das grades. Ele diz ter renunciado para que Dourados tenha uma nova eleição direta.