Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 19 de Outubro de 2021

Política

Murilo registra hoje sua candidatura tendo Dinaci como vice

A eleição extemporânea será no dia 6 de fevereiro e o prazo para registro das candidaturas termina amanhã

Fátima News

03 de Janeiro de 2011 - 14:42

Com uma vice do PT, o candidato Murilo Zauith (DEM) vai registrar hoje a chapa para concorrer à prefeitura de Dourados. A eleição extemporânea será no dia 6 de fevereiro e o prazo para registro das candidaturas termina amanhã.

Murilo, que foi segundo colocado na eleição de 2008, lidera um “chapão”, composto por 15 partidos: DEM, PMDB, PSDB, PR, PDT, PSL, PRB, PSB, PPS, PTB, PV, PP, PTdoB, PRP e PT. A candidata a vice-prefeita é a professora Dinaci Ranzi.

Partidos expressivos como PMDB e PT chegaram a ensaiar candidatura própria, com vários postulantes ao cargo de candidato, contudo, se renderam ao projeto dos democratas, batizado de candidatura de coalizão. O PT e o DEM são adversários em âmbito nacional e a coligação chegou a ser reprovada pelo comando nacional do Partido dos Trabalhadores.

Segunda maior cidade do Estado, Dourados viu o Poder Executivo ruir em setembro do ano passado. Quando a operação Uragano, realizada pela PF (Polícia Federal), revelou esquema de pagamento de propina entre prefeitura, Câmara e empresas. Após ficar mais de 90 dias na prisão, o então prefeito Ari Artuzi (expulso do PDT) e o vice Carlinhos Cantor renunciaram.

No outro extremo, partidos como Psol, PMN e PDDC contam com chapas enxutas para a corrida eleitoral. Anunciaram as candidaturas José Araújo, do Psol, Genival Antonio Valeretto (PMN), liderando a aliança formada por PTN e PHS, e Geraldo Sales, do PSDC. O novo prefeito de Dourados será diplomado no dia 28 de fevereiro.