Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 27 de Novembro de 2020

Política

Padilha já fez "mudança para SP" e deve deixar governo

"Desde a reunião do dia 2 de novembro eu me preparei para sair ao longo do mês de janeiro", afirmou o ministro.

Uol

06 de Janeiro de 2014 - 16:32

O primeiro evento de 2014 do ministro da Saúde, Alexandre Padilha, foi a inauguração da Rede Hora Certa no bairro da Lapa, na capital paulista, nesta segunda-feira (6). A cidade deve ser o domicílio de Padilha no restante do ano, depois que ele deixar o Ministério para concorrer ao governo estadual pelo PT.

"Já fiz mudança para São Paulo, já trouxe as coisas que estavam em Brasília de volta para a minha casa", revelou Padilha, reforçando que a presidente Dilma Rousseff avisou os ministros que irão concorrer nas eleições deste ano que a saída da pasta deverá acontecer ainda em janeiro.

"Desde a reunião do dia 2 de novembro eu me preparei para sair ao longo do mês de janeiro", afirmou o ministro.

Ele negou que tenha começado um regime para estar em forma durante a campanha eleitoral. "Sou ministro da Saúde, é meu papel e responsabilidade fazer exercício físico, ter hábitos saudáveis. O único regime que eu tenho é de andar muito, de trabalho", brincou.

Padilha disse que, à frente do Ministério da Saúde, ainda está focado neste mês na continuidade do programa Mais Médicos e na preparação da campanha de vacinação contra HPV para adolescentes.

Ao lado de Haddad na inauguração do Rede Hora Certa, Padilha enalteceu a gestão do petista na capital dizendo que o programa Hora Certa foi uma "ideia inovadora" de Haddad para o Sistema Único de Saúde (SUS).

Ele reiterou ainda que a cidade de São Paulo ampliou a parceria com o governo federal na área da saúde durante a gestão de Haddad. "Por muitos anos São Paulo não buscou ter as UPAs 24 horas. São Paulo agora vai poder ter porque o prefeito Fernando Haddad apresentou o projeto", disse o ministro.