Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 22 de Outubro de 2021

Política

Puccinelli reafirma apoio à candidatura do PMDB em Dourados

Governador disse, em Rio Brilhante, que partido douradense tem total autonomia para definir rumo que vai tomar na eleição em Dourados

Assessoria

11 de Dezembro de 2010 - 07:38

O governador André Puccinelli (PMDB), reafirmou ontem (10) em Rio Brilhante, que vai apoiar o candidato que for indicado pelo PMDB douradense para concorrer à Prefeitura na eleição municipal marcada para o próximo dia 6 de fevereiro.

As afirmações de André foram feitas na presença do deputado federal Geraldo Resende e da prefeita interina Délia Razuk após descer do avião no aeroporto de Rio Brilhante, antes da solenidade de inauguração da usina de biodiesel Delta Biocombustíveis. O governador disse ainda que o PMDB de Dourados tem autonomia para indicar o candidato a prefeito.

“Meu candidato é aquele que o PMDB definir. Se for o Geraldo terá todo o meu apoio. Se for o Marçal, idem; se for a prefeita interina Délia Razuk, o Antônio Nogueira, enfim, aquele que o diretório definir, terá o meu apoio incondicional”, sustentou Puccinelli.

Ao chegar no Aeroporto Municipal de Rio Brilhante, acompanhado pelo deputado federal Geraldo Resende, o governador foi questionado pela prefeita interina Délia Razuk sobre notícias que estão sendo veiculadas pela imprensa estadual sobre o processo sucessório em Dourados.

De acordo com André Puccinelli, muitas dessas informações estão sendo “plantadas nos meios de comunicação, que têm passado versões distorcidas sobre o que eu disse à respeito das eleições em Dourados. Não delego a ninguém falar em meu nome ou assumir posições diferentes daquelas que assumi recentemente e não tenho duas palavras. Vou apoiar a candidatura que sair de dentro PMDB. Qualquer comentário diferente disso não condiz com a realidade”, salientou.

Além de reafirmar seu compromisso com a candidatura do PMDB, André Puccinelli conclamou os peemedebistas douradenses à união. “O deputado Geraldo, a prefeita Délia, o secretário Nogueira, o presidente do partido Laudir e todos os demais integrantes do partido precisam marchar unidos. Cada um dos pré-candidatos têm suas qualidades: o Geraldo é pertinaz e trabalhador, a Délia está surpreendendo, mostrando que é capaz; então, juntos, todos, teremos uma boa disputa em Dourados”, concluiu André Puccinelli.