Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 17 de Junho de 2024

Política

Waldemar Acosta comemora entendimento entre PDT e PMDB

Para Waldemar, o PDT tomou uma decisão sábia e madura.

Marcos Tomé/Região News

22 de Junho de 2012 - 10:23

O vereador e primeiro secretário da Câmara Municipal de Sidrolândia, Waldemar Acosta do PDT, comemorou o entendimento de seu partido por aliança com o PMDB na manhã desta sexta-feira. Acosta tinha receio de ter que subir num palanque aposto ao de Acelino, um dos responsáveis por sua eleição em 2008.

Com a aliança entre PDT e PMDB, Waldemar se diz tranquilo e não terá dificuldades para pleitear novamente uma cadeira na Câmara. Acelino foi além, afirma que Acosta terá facilidade em contar sua trajetória política, suas ações e seu ingresso na vida pública através de um grupo que agora, busca a governabilidade do município.

O PDT “bateu o martelo” com o PMDB num entendimento que envolveu além das lideranças políticas do município, a articulação do governador André Puccinelli que já declarou fazer dobradinha com os pedetistas onde houver possibilidades. Em Paranhos, por exemplo, o vereador Júlio Cezar do PDT terá como vice em sua chapa, a pedido de Puccinelli, o também vereador e presidente da Câmara, Donizete Viáro do PMDB.

Recentemente, André declarou na imprensa que fará um grande arco de aliança em todo o Estado envolvendo os dois partidos. “Onde o PMDB tiver candidato com melhores condições terá o apoio do PDT e vice-versa”, comenta. A ordem de Puccinelli é minar o PSDB que terá tratamento de adversário nas eleições deste ano.

Para Waldemar, o PDT tomou uma decisão sábia e madura. “Foi o PDT que iniciou uma ampla discussão no final do ano passado com o intuito de criarmos uma frente de partidos em busca da renovação política e administrativa. É com este pensamento que acreditamos no projeto encabeçado por Acelino”, finaliza.