Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 16 de Outubro de 2021

Região

Aeronave ficou carbonizada e peças se espalharam por plantação de milho

Campo Grande News

13 de Setembro de 2021 - 13:44

Aeronave ficou carbonizada e peças se espalharam por plantação de milho
Aeronave completamente queimada em meio a muita fumaça (Foto: Campo Grande News)

Aeronave da FAB (Força Aérea Brasileira) que caiu no fim da manhã desta segunda-feira (13), nos fundos da Coophavilla 2 e Santa Emília, região sudoeste de Campo Grande, ficou completamente carbonizada. Com o impacto, peças do avião se espalharam por plantação de milho em propriedade ao lado da Fazenda Cerradinho.

Logo após a queda, fumaça preta saía do avião e em poucos minutos, "nuvem" branca tomou o céu da região. O Corpo de Bombeiros contou com a ajuda de funcionários da fazenda e um trator para apagar o incêndio na aeronave e na vegetação em volta. Pelo menos 10 hectares da lavoura queimaram.

Aeronave ficou carbonizada e peças se espalharam por plantação de milho
Peças ficaram espalhadas na lavoura (Foto: Direto das Ruas)

O piloto ejetou-se antes da queda. A reportagem apurou com fonte na Base Aérea de Campo Grande que ele já foi socorrido e não corre risco de morrer.

Por causa da situação, o espaço aéreo da Capital está todo fechado desde 11h20, segundo a Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária). Conforme apurado preliminarmente, a aeronave militar de caça, um A-29 Super Tucano, estava realizando treinamento na região e em determinado momento perdeu estabilidade e caiu.

Aeronave ficou carbonizada e peças se espalharam por plantação de milho
Equipe de militares da Base Aérea chegaram ao local após o incêndio (Foto: Marcos Maluf)