Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 23 de Setembro de 2020

Saúde

Em Sidrolândia notificações de dengue mais que triplicam em uma semana

Em boletim divulgado ontem pela Secretaria de Estado de Saúde, um caso da doença foi confirmado no município.

Gildo Tavares/Região News

30 de Janeiro de 2020 - 10:23

Em Sidrolândia notificações de dengue mais que triplicam em uma semana

Em uma semana as notificações de dengue mais que triplicaram em Sidrolândia. Em boletim epidemiológico divulgado na semana passada pela Secretaria de Estado de Saúde (SES), foram registradas nove notificações, em novo boletim divulgado nesta quarta-feira, dia 29, este número saltou para 31 casos.

Até a semana passada não haviam casos confirmados da doença no município. No boletim desta semana um caso foi confirmado.

O avança da doença no Estado também preocupa. Em uma semana os casos notificados passaram de 3.195 para 6.126, aumento de 91,7%, de casos registrados. As confirmações também aumentaram de forma rápida em uma semana, 116,4%, saltando de 621 para 1.344.

Desde o começo do ano Sidrolândia não registrou nenhum óbito por causa da dengue. Em Mato Grosso do Sul foram registrados seis casos de pessoas que não resistiram à doença e morreram. Até a semana passada eram quatro mortes.

Sintomas

Os principais sintomas de uma pessoa que esteja com a doença são: febre, usualmente entre 2 e 7 dias e apresente duas ou mais das seguintes manifestações: náusea, vômitos; manchas avermelhadas no corpo, dores musculares, dores nas articulações, dor de cabeça e dor nos olhos. Apresentado este quadro o doente deve procurar uma unidade de saúde.

Precauções

As principais medidas de prevenção e combate ao Aedes Aegypti são: manter bem tampado tonéis, caixas e barris de água; lavar semanalmente com água e sabão tanques utilizados para armazenar água; manter caixas d'agua bem fechadas; não deixar água acumulada sobre a laje; encher pratinhos de vasos com areia ate a borda ou lavá-los uma vez por semana; trocar água dos vasos e plantas aquáticas uma vez por semana; manter garrafas de vidro e latinhas de boca para baixo; acondicionar pneus em locais cobertos; fazer sempre manutenção de piscinas e limpar sempre a bandeja do ar condicionado.