Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 16 de Junho de 2021

Geral

Sidrolândia tem queda de 56,88% nos casos e letalidade de 2,9% com 10 mortes em 9 dias

Entre as vítimas fatais pessoas fora das faixas etárias de risco, como o professor Mauro Martinez.

Flávio Paes/ RN

09 de Maio de 2021 - 22:37

Sidrolândia tem queda de 56,88% nos casos e letalidade de 2,9% com 10 mortes em 9 dias
A cidade está em 7º lugar no ranking estadual, após superar Aquidauana. Foto: Marcos Tomé/RN

Os números da Covid-19 em Sidrolândia apontam para um cenário de desaceleração do número de casos, 6 pacientes internados no Hospital Elmíria Silvério Barbosa, quando em março chegaram a 29, ao mesmo tempo a cidade registra 2,9% de letalidade, superior à média estadual de 2,7%. São 125 óbitos desde o início da pandemia, 10 deles só em 9 dias de maio. Nos últimos 70 dias, a contar de 1º de abril foram 91 mortes, 40 em março e 41 mês passado.

Entre as vítimas fatais pessoas fora das faixas etárias de risco, como o professor Mauro Martinez e os bancários Carlos Martinez e Eder Cacho, de 46 anos.

A cidade está em 7º lugar no ranking estadual, após superar Aquidauana (que acumula 119 mortes), está atrás de Ponta Porã (com158). Conforme o boletim deste domingo da Secretaria Municipal de Saúde, dos 5 pacientes internados na UTI, três não são da cidade, vieram de Bonito, Camapuã e Ivinhema. Só há um paciente no leito clínico e nenhum na ala azul.

Em relação a incidência de casos, nos primeiros 9 dias de maio foram 50 notificações, uma média diária de 7,14. Em abril, foram 499 novos casos, média de 16,6 casos por dia, enquanto a média foi 35,96, 1079 casos, número superado apenas por agosto do ano passado, 2.201 registros, pico da pandemia na cidade.