Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Domingo, 23 de Junho de 2024

Policial

Marido confessa ter matado mulher em chácara de Campo Grande

Suspeito confessou crime à polícia nesta quinta-feira (23). Segundo a mãe da vítima, autor era usuário de drogas.

G1 MS

23 de Agosto de 2012 - 14:00

Um homem de 34 anos compareceu à 3ª Delegacia de Polícia Civil de Campo Grande e confessou ter matado sua mulher, uma professora de 46 anos. O corpo foi encontrado pela mãe da vítima em uma chácara na região do Parque dos Poderes na quarta-feira (22), onde os dois moravam juntos havia um ano.

Segundo a polícia, o corpo estava coberto por um lençol ensanguentado no quarto do casal. Havia marcas de sangue na cozinha, sala e banheiro, além de roupas sujas de sangue na casa. Para a polícia, o suspeito de cometer o crime tomou banho e trocou de roupas antes de fugir. Foram encontrados ainda vestígios de uso de drogas na cozinha, além de uma substância análoga a pasta base de cocaína.

A mãe da vítima disse aos investigadores que viu a filha pela última vez na segunda-feira (20), por volta das 17h, e as duas tinham combinado de ir a uma agência bancária juntas no dia seguinte. Na terça-feira (21), porém, a filha não apareceu no local combinado e não atendia o celular. A mãe ligou para o genro para saber da filha, e ele teria informado que ela não podia atender pois estava dirigindo. A mãe estranhou, já que quem costumava dirigir era ele.

Na quarta-feira (22) pela manhã, a mãe resolveu ir até à residência da filha ver se estava tudo bem. Ao chegar no local, encontrou a porta aberta e se deparou com a filha morta ao entrar no quarto.

O corpo foi encaminhado para exames necroscópicos no Instituto Médico e Odontologico Legal (IMOL) de Campo Grande. O suspeito que confessou o crime responderá por homicídio doloso. A polícia ainda não sabe o que teria motivado o crime.