Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 30 de Novembro de 2020

Política

Bernal se reúne amanhã com dirigentes de partidos aliados

Durante o encontro, marcado para às 9h em uma produtora da Capital, o progressista também deve falar sobre os cargos disponíveis na prefeitura aos aliados.

Willams Araújo/Conjuntura On-line

05 de Novembro de 2012 - 16:24

O prefeito eleito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), se reúne na manhã desta terça-feira (6) com dirigentes dos partidos que lhe deram apoio no segundo turno das eleições visando discutir, entre outros assuntos, a composição da equipe de transição de governo.

Durante o encontro, marcado para às 9h em uma produtora da Capital, o progressista também deve falar sobre os cargos disponíveis na prefeitura aos aliados.

Essa será a primeira vez que Bernal se reúne com os dirigentes partidários depois do segundo das eleições no qual venceu o pleito ao derrotar o deputado federal Edson Giroto (PMDB).

Bernal recebeu 270.927 votos, o que representa 62,55% do total apurado, contra 162.212 votos (37.45%) de seu adversário.

De acordo com interlocutores do PMDB, o prefeito eleito deve receber os dirigentes partidários em separado para expor como deseja atuar a partir de janeiro do ano que vem, quando substituirá o prefeito Nelsinho Trad (PMDB).

 No primeiro turno das eleições, Bernal concorreu com chapa puro-sangue, tendo como candidato a vice-prefeito seu correligionário, o ex-vereador Gilmar Olarte (PP).

Somente na segunda etapa da disputa é que o progressista atraiu o apoio de candidatos derrotados, como o deputado federal Reinaldo Azambuja (PSDB), o terceiro mais votado no primeiro turno, o deputado federal Vander Loubet (PT), o vereador Marcelo Bluma (PV), além do vereador Athayde Nery (PPS), vice na chapa do tucano, e outras legendas de menor expressão eleitoral.

Em entrevista pela manhã na Capital, Bernal garantiu que já tem definida a equipe que cuidará da transição de seu governo. No entanto, avisou que deve anunciar os nomes no meio ou no final desta semana, por entender que não tem pressa para revelar a composição.

Segundo ele, por enquanto, sua equipe trabalha com informações que ele tem recebido, bem como se atualiza com dados da Capital publicados no Diário Oficial do município.

Por outro lado, o prefeito Nelsinho Trad já se colocou à disposição do progressista visando o processo de transição de governo.

Em entrevista, Nelsinho já adiantou que vai submeter o IPTU 2013 à apreciação de Bernal por conta da proposta de campanha de congelar o tributo.