Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 25 de Novembro de 2020

Política

Prefeita eleita em Porto Murtinho é cassada por abuso de poder e uso de meio de comunicação

A peemedebista é acusada de abuso de poder político, econômico, e por uso indevido dos meios de comunicação social de rádio paraguaia

12 de Novembro de 2012 - 14:59

Rosangela Baptista (PMDB) eleita prefeitura de Porto Murtinho com mais de 3,3 mil votos válidos no último dia 7 de outubro em Mato Grosso do Sul, teve o seu registro cassado na última sexta-feira (09).

A decisão foi dada pelo juiz da 20ª Zona Eleitoral do município. Ele determinou procedente ação de investigação judicial eleitoral proposta pelo Ministério Público do Estado (MPE).

A peemedebista é acusada de abuso de poder político, econômico, e por uso indevido dos meios de comunicação social de rádio paraguaia.

Está ação foi proposta em setembro deste ano, mas o julgamento aconteceu somente depois da vitória de Rosangela Baptista.