Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 24 de Outubro de 2020

Política

Prefeito eleito Alcides Bernal tem as contas rejeitadas pela Justiça Eleitoral

Não foram apresentados documentos comprovando despesas e pagamentos de campanha.

Correio do Estado

12 de Dezembro de 2012 - 09:07


A Justiça Eleitoral rejeita a prestação de contas do prefeito eleito Alcides Bernal (PP) e abre caminho para abertura de processo de cassação do diploma e do mandato.

A juíza Eliane de Freitas Lima Vicente acolheu o parecer do promotor eleitoral Alexandre Raslan apontando inúmeras irregularidades insanáveis nas contas apresentadas por Bernal.

Não foram apresentados documentos comprovando despesas e pagamentos de campanha.

Segundo o Ministério Público, Bernal teria movimentado irregularmente mais de R$ 1 milhão de total de R$ 1.664.213,50 registrado como receita e despesa de campanha eleitoral.

Por causa das irregularidades, o Ministério Público poderá pedir à Justiça Eleitoral a cassação do diploma de Bernal. No caso de empossado no cargo de prefeito, solicitar a cassação do mandato do prefeito por desrespeitar as normas legais nas despesas de sua campanha eleitoral.