Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 12 de Abril de 2024

SIDROLÂNDIA- MS

Prefeitura avalia impacto financeiro de reajuste salarial de servidores em maio

O índice ainda não está fechado, está na dependência da conclusão do estudo de impacto financeiro.

Redação/ Região News

03 de Março de 2024 - 20:00

Prefeitura avalia impacto financeiro de reajuste salarial de servidores em maio
Prefeita Vanda Camilo. Foto: Divulgação

O índice ainda não está fechado, está na dependência da conclusão do estudo de impacto financeiro, mas já é certa a concessão em 1⁰ de maio, data-base do funcionalismo, do reajuste salarial aos 1.380 servidores municipais efetivos, além dos 350 professores efetivos. Como é um ano eleitoral, o projeto do reajuste terá de ser votado pela Câmara e transformado em lei com a sanção pela prefeita até 5 de abril.

No caso dos professores, o ponto de partida do reajuste é o índice de correção do piso nacional do magistério, fixado em 3,62% pelo Ministério da Educação no mês de janeiro. Ano passado a categoria recebeu a correção de 14,94%, mesmo percentual do piso. O último reajuste dos efetivos foi de 11,99% a partir de 1º de março de 2022.

Atualmente, conforme o ranking da Fetems, o piso dos professores concursados da escola municipal de Sidrolândia é o segundo melhor do Estado, só atrás dos professores da rede estadual. Eles recebem hoje R$ 3.814,14 por uma jornada de 22 horas/semanais. Só com a aplicação dos 3,62% passarão a ganhar R$ 3.952,17. Que corresponde a 86,28% do piso nacional (R$ 4.580,57). Os contratados recebem R$ 2.648,27.

Dotação orçamentária

A lei orçamentária deste ano prevê que a Prefeitura vai gastar com salários e encargos, R$ 191.886.700,00, um aumento de 2,28% sobre as despesas do ano passado (R$ 187.596.831,67) que corresponderam a 52,59% da receita líquida.