Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 30 de Outubro de 2020

Policial

"Foi rápido, mas pareceu eternidade", diz vítima de assalto em salão de MS

A vítima estava com a filha de 16 anos, que teve o celular roubado e também ficou assustada. Conforme a babá havia 6 pessoas no salão e 2 delas foram agredidas com coronhadas no ombro

G1 MS

18 de Agosto de 2014 - 13:00

Uma das vítimas do assalto a um salão de beleza do bairro Universitário, em Campo Grande, na tarde de sábado (16), uma babá de 35 anos conta a reportagem que o crime foi "rápido", mas, por conta do medo, ela não soube precisar por quanto tempo as suspeitas ficaram no local. "Foi rápido, mas, para nós, pareceu uma eternidade", diz.

Segundo a babá, duas mulheres se passaram por clientes, perguntaram sobre preços e horários. Uma delas foi ao banheiro e quando retornou, mostrou a arma de fogo e anunciou o roubo. Algumas vítimas foram colocadas na sala de depilação.

Enquanto uma das suspeitas ameaçava quem estava no local, a outra pegava objetos do salão, bolsas e celulares de clientes. "Ela estava com uma mochila e colocava tudo lá dentro", fala a babá.

A vítima estava com a filha de 16 anos, que teve o celular roubado e também ficou assustada. Conforme a babá havia seis pessoas no salão e duas delas foram agredidas com coronhadas no ombro. "Elas eram violentas, agiram sem dó mesmo".

A polícia esteve no local e recolheu impressões digitais. Até a publicação desta reportagem, nenhum suspeito havia sido identificado. Este foi o segundo roubo a salão de beleza no sábado. O primeiro foi a um comércio localizado em um supermercado e um homem é suspeito. Ninguém foi preso também.