Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 21 de Abril de 2021

Sidrolândia

Covid letal: Sidrolândia registra 8 mortes em dois dias e acumula 39 óbitos no mês

Entre as vítimas, pessoas teoricamente fora das faixas etárias de risco, mas todas com alguma comorbidade.

Flávio Paes/Região News

30 de Março de 2021 - 10:44

Covid letal: Sidrolândia registra 8 mortes em dois dias e acumula 39 óbitos no mês
Sidrolândia chega à marca de 77 óbitos desde o início da pandemia. Foto: GZH

Nos últimos dois dias foram confirmados 8 óbitos de pacientes que morreram por complicações provocados pelo novo coronavírus. Sidrolândia chega à marca de 77 óbitos desde o início da pandemia, o que coloca a cidade na 8ª posição entre os 79 municípios em termos de letalidade.

Entre as vítimas, pessoas teoricamente fora das faixas etárias de risco, mas todas com alguma comorbidade. Entre os mortos nesta terça-feira, um morador do Assentamento Santa Terezinha, portador de diabetes e pressão alta. Ele deu entrada no Hospital Elmiria Silvério na sexta-feira (26) com dificuldades respiratórios e acabou falecendo nesta madrugada.

Ontem faleceu dona Eudócia Carissimi, 63 anos, moradora na zona rural, que tinha hipertensão arterial. Deu entrada no Hospital Elmiria Silvério Barbosa no dia 11, foi transferida para o Hospital da Unimed em Campo Grande, onde acabou falecendo.

Ela era esposa do produtor rural Antenor Carissimi, um ex-tratorista, que após 20 anos de trabalho em propriedades do ex-prefeito Ari Basso, juntou economias e se tornou um produtor rural modelo, personagem de uma reportagem do Globo Rural.

Além de dona Eudócia, nesta segunda-feira também morreu com complicações decorrentes do Covid-19 uma moradora do Assentamento Capão Bonito 2, de 66 anos, obesa e hipertensa. Também do mesmo assentamento, morreu um homem de 71 anos, internado inicialmente no Hospital Regional, foi transferido para o Hospital El Kadri, onde acabou falecendo.