Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 20 de Junho de 2024

Policial

Polícia mantém buscas por professor desaparecido há oito dias na Capital

Ontem (16), a polícia fez diligências pela região e de acordo com Edilson, a apuração está bem encaminhada

Campo Grande News

17 de Novembro de 2014 - 09:17

A DEH (Delegacia Especializada de Homicídios) de Campo Grande mantém as buscas pelo professor Francisco Borges da Silva, 39 anos, o “Chico”, desaparecido desde o último domingo (9), quando foi visto saindo em um Volkswagen Gol branco do residencial onde mora, no Bairro Monte Castelo.

De acordo com o delegado Edilson dos Santos Silva, o docente pode ter sido assassinado na região do Jardim Seminário, nas proximidades da UCDB.

As principais hipóteses são de latrocínio ou crime passional, no entanto, o delegado não confirma as linhas de investigação que estão sendo adotadas, para que nada interfira no trabalho de busca.

Ontem (16), a polícia fez diligências pela região e de acordo com Edilson, a apuração está bem encaminhada. “Estamos trabalhando bem, no caminho certo”, limitou-se a dizer o delegado.

Chico dá aulas de português na Escola Estadual Joaquim Murtinho, há cerca de anos. Foi no criado no Facebook um informativo referente ao desaparecimento, que está sendo compartilhando pelas redes sociais. Informações sobre o paradeiro de Chico podem ser repassadas à DEH pelos telefones (67) 3318-9045 ou 3318-9047.