Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 4 de Março de 2021

Política

Suplente do PP assume cadeira de interina e vai formar base de Vanda na Câmara

Marcos Tomé/Região News

06 de Janeiro de 2021 - 15:53

Suplente do PP assume cadeira de interina e vai formar base de Vanda na Câmara
Otacir Figueiredo vai assumir a cadeira deixada pela vereadora Vanda Camilo. Foto: Divulgação

O ex-vereador Otacir Pereira Figueiredo (PP), 9º mais votado nas eleições de 15 de novembro de 2020, vai assumir a cadeira deixada pela vereadora Vanda Camilo, que assumiu interinamente a administração da Prefeitura Municipal após ter sido eleita presidente da Câmara no dia 1º de janeiro.

Apesar de não ter tido o apoio dos próprios colegas de partido, "Vandinha" como é conhecida, resolveu convocar o suplente para assumir a função após discussões com o atual presidente da Casa, Sandro Luiz Gonzalez (PSD) que teria até o início das sessões ordinárias, marcadas para o dia 15 de fevereiro, para convocar Gringo, isto se até lá o TSE não der provimento ao recurso de Daltro Fiuza, candidato mais votado nas eleições do ano passado, que teve o registro de sua candidatura, cassado pelo TRE/MS.

Durante o bate-papo com Gringo em seu gabinete, Vanda discutiu as primeiras ações que deve tomar na gestão interina, tratou de projetos importantes que serão encaminhados a Câmara e reafirmou seu compromisso partidário com os Progressistas, embora não tenha tido o apoio da bancada na eleição da Mesa Diretora.

“Política se faz olhando pra frente. Eu entendo que meus colegas tinham outros compromissos políticos e como fui preterida no grupo do qual fazíamos parte, não me restou outra alternativa, se não, buscar os votos dos vereadores eleitos em outro alinhamento político”, destaca a prefeita.

Em entrevista ao RN, Gringo diz que irá trabalhar internamente para aparar arestas no partido, vê como legítima a decisão de "Vandinha" buscar seu espaço e vai compor o grupo de sustentação política do governo na Câmara.

"Quem me conhece sabe do meu perfil. Defendo os interesses da sociedade e aquilo que for bom, terá sempre meu apoio indistintamente. Sou um aliado do deputado Gerson Claro, nossa principal liderança e vou buscar o entendimento para que haja unidade partidária. Vanda vive um momento único, histórico e tenho absoluta certeza que fará um grande governo transitório", comentou.