Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 6 de Março de 2021

Política

G-8 define chapa com Vanda Camilo de presidente e Sandro Gonzalez de vice

Flávio Paes/Região News

29 de Dezembro de 2020 - 21:48

G-8 define chapa com Vanda Camilo de presidente e Sandro Gonzalez de vice
Adavilton Brandão, Sandro Luiz, Vanda Camilo e Eliel Vaz. Foto: Marco Tomé

Após um dia inteiro de reuniões, especulações, tentativas de desestabilização por parte do grupo oponente, o G-8, que reúne 8 vereadores eleitos, definiu a chapa para eleição da Mesa Diretora. A presidência ficou com Vanda Camilo, do PP, o vice-presidente será Sandro Luiz, do PSD; Gilson Galdino, do Rede ocupará a 1ª secretaria, enquanto Cristina Fiúza, do MDB, será a 2ª secretária.

A chapa foi formalizada num documento assinado pelos 8 vereadores. O requerimento será encaminhado ao presidente da sessão de posse e eleição da Mesa, Ademir Gabardo, que exercerá a função na condição de vereador eleito mais velho.

Para garantir o consenso e evitar qualquer risco no desenho da composição, a vereadora eleita Joana Michalski, do PSB, abriu mão da vice-presidência".

Nas negociações conduzidas até aqui, ela representava na chapa encabeçada por Vanda Camilo, a maior bancada do grupo de vereadores eleitos no palanque de Daltro Fiúza, candidato a prefeito vitorioso nas urnas, mas que só tomará posse caso consiga reverter no Tribunal Superior Eleitoral - TSE, a decisão do TRE que indeferiu o registro da candidatura de Fiúza.

Em outras circunstâncias, se o prefeito eleito tomasse posse na sexta-feira, a vice-presidência da Mesa Diretora não teria nenhuma relevância porque o ocupante do cargo na prática não tem nenhum poder na gestão da Câmara, limitando-se a substituir o presidente quando ele subir na tribuna para fazer um pronunciamento. Já na atual conjuntura, o presidente da Câmara, a partir de sexta-feira, assumirá a prefeita interino e o vice-presidente automaticamente será "promovido" a presidente.

Diante da manifestação do Sandro, que manifestou interesse de participar da Mesa, o PSB abriu espaço para contemplar o Sandro  para manter preservação a unidade e o projeto político do grupo" , destacou o advogado Stelvio Michalski, dirigente do partido e um dos principais articuladores do G-8.

Composição da chapa.

G-8 define chapa com Vanda Camilo de presidente e Sandro Gonzalez de vice

Relacionadas